1941.034 – Legal Rites

  • Primeira aparição: Revista Weird Tales, setembro de  1950, páginas 8-25.
  • Título em Português: Ritos Legais.
  • Publicação no Brasil: Foi publicada no livro O Futuro Começou (1978 – Hemus)
  • Nota: Escreveu em colaboração com Frederik Pohl (sob o pseudônimo de James MacCreigh). Seu amigo teve a ideia, Asimov escreveu a base da história, depois Pohl reescreveu algumas partes e publicou na revista que editava. Levou 9 anos para a história ser publicada!
  • Comentários: Não foram poucas as vezes que Asimov se aventurou pelo mundo da Fantasia. Se por um lado ele era bem firme no que diz respeito a não usar conceitos científicos equivocados ao escrever ficção-científica, por outro lado às vezes se permitia jogar tudo pro alto e escrever sem nenhuma base na realidade – desde que ficasse claro para o leitor. Este conto é um exemplo. 

Quando procuro algo do Asimov para ler, não posso dizer que esteja procurando ler Fantasia. Pelo contrário, normalmente procuro uma entre duas coisas: matar a saudades do Bom Doutor através dos textos de não-ficção que ele escreve (principalmente os que ele dá um tom mais pessoal) ou, no caso da ficção, explorar esse mundo criado por ele que possui certas regras, certos princípios e um certo estilo que permeiam praticamente toda a sua obra. Por isso, textos que fogem a essas duas categorias nunca são os meus favoritos. Não estou dizendo que são ruins, a coletânea de contos do demoniozinho Azazel e as dos mistérios dos Viúvos Negros são muito interessantes e divertidas, porém confesso que já entro com um pé atrás. Com este conto aqui, não foi diferente. Então não sei se minha resenha é 100% imparcial. Por mais que a ideia seja interessante e a narrativa seja bem escrita (apesar de não ser possível identificar a mão do Asimov), não consigo me conectar com a história desse fantasma que procura um advogado para reaver seus direitos de habitar (assombrar) a casa da qual foi expulso… Mas fica aqui o desafio, se está buscando algo diferente e inusitado, pode ser que seja do seu agrado. 

Ranking dos Contos até a publicação de 1941.034 – Legal Rites

  • 1938.003 – Marooned off Vesta
  • 1939.014 – Robbie
  • 1940.019 – Homo Sol
  • 1940.021 – The Imaginary
  • 1940.025 – Reason
  • 1941.028 – Liar!
  • 1941.031 – Super-Neutron
  • 1941.032 – Nightfall

Asimov Verde: Os melhores, imperdíveis!

  • 1938.002 – The Callistan Menace
  • 1938.005 – Ring Around the Sun
  • 1938.006 – The Weapon
  • 1938.010 – Trends (Ad Astra)
  • 1939.015 – Half-Breed
  • 1940.023 – Heredity
  • 1941.027 – The Little Man on the Subway
  • 1941.030 – The Hazing
  • 1941.033 – Not Final!

Asimov Amarelo: Medianos, interessantes.

  • 1938.009 – The Magnificent Possession
  • 1939.011 – The Weapon Too Dreadful to Use
  • 1939.013 – Black Friar of the Flame
  • 1939.016 – The Secret Sense
  • 1940.020 – Half-Breeds on Venus
  • 1940.024 – History
  • 1940.026 – Christmas on Ganymede
  • 1941.034 – Legal Rites

Asimov Vermelho: Só para os fãs mais completistas.

  • 1934.000 – Little Brothers
  • 1938.001 – Cosmic Corkscrew
  • 1938.004 – This Irrational Planet
  • 1938.007 – Paths of Destiny
  • 1938.008 – Knossos in Its Glory
  • 1939.012 – The Decline and Fall
  • 1939.017 – Life Before Birth
  • 1939.018 – The Brothers
  • 1940.022 – The Oak
  • 1941.029 – Masks

Asimov Azul: Contos perdidos, textos alternativos, ou exercícios literários para os quais seria impossível – ou injusto – fazer qualquer crítica.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: